Livros e Resenhas

Filmes e Séries

Games

Para Todos os Garotos que já Amei | Um filme clichê fofo demais!

by - setembro 21, 2018

Olá, meus caros pensadores! Hoje, em clima de muito amor, venho contar um pouco para vocês sobre o que eu achei do filme "Para Todos os Garotos que já Amei", adaptação do livro de mesmo nome (que estou louquinha para ler), escrito pela autora Jenny Han.

Então sem mais delongas, pegue uma pipoca e venha me acompanhar nessa aventura cheia de emoções que vivi enquanto assistia essa produção linda de bonita da Netflix.

Na imagem: Fotografia do Filme X Capa do Livro
Filme: Para Todos os Garotos que já Amei
Direção: Susan Johnson
Gênero: Romance
Duração: 1h 39min
Disponível para assistir em: Netflix 

Sinopse: Lara Jean Song Covey (Lana Condor) escreve cartas de amor secretas para todos os seus antigos paqueras. Um dia, essas cartas são misteriosamente enviadas para os meninos sobre os quem ela escreve, virando sua vida de cabeça para baixo.

Em Para todos os garotos que já amei, conhecemos Lara Jean, uma jovem menina cheia de inocência, apaixonada por livros e histórias de romance. Sempre que ela se apaixona por alguém, escreve uma carta expondo todos os seus sentimentos para o rapaz, porém, a carta nunca é enviada, apenas fica guardada em uma caixa dentro do seu armário.

Mas então, em um belo dia, as cartas são enviadas para todos os garotos, fazendo com que Lara Jean, que nunca viveu um romance, vê sua vida mudar completamente de uma hora para a outra.

“Escrevo uma carta quando me apaixono de forma tão intensa que não sei o que mais fazer.”


Desde que eu havia visto o trailer desse filme, estava louca para assisti-lo. Sou uma fã de carteirinha desses romances clichês colegiais que todos sabemos o final, então, esse lançamento não poderia ter deixado de me conquistar.

“Eu estava acostumada a ser invisível. Ninguém prestava atenção no que eu fazia.”

Lara Jean é uma protagonista fofa e muito carismática, sua inocência e falta de jeito de lidar com problemas (em especial, os garotos), faz com que várias cenas cômicas acabem acontecendo. Outros personagens que valem muito a pena citar é o Kavinsky (crush eterno cof cof) e a Kitty, irmã caçula de Lara Jean, já que ambos são maravilhosos e cheios de personalidade.

Imagem relacionada
Fonte da imagem: Netflix
Se eu precisasse resumir esse filme a uma palavra, com toda a certeza seria "fofo". Tanto os diálogos dos personagens, quanto os acontecimentos da trama são de transformar um coração de gelo em manteiga derretida. Eu me senti um marshmallon molenga depois de terminar de assistir (que analogias estranhas, estou um pouco assustada comigo mesma haha).

“É muito legal como podemos falar de coisas reais.”

Super recomendo esse longa, que é perfeito para quem ama um romance água com açúcar super clichê. Eu me apaixonei perdidamente por essa história, e espero de coração que vocês a amem tanto quanto eu ❣ 




Você também pode gostar:

0 Comentários

Siga me no Instagram!