Livros e Resenhas

Filmes e Séries

Games

Fome De Poder | Um filme sobre a ascensão do Mc Donald's e a ambição humana

by - novembro 07, 2019

Hey pensadores! Hoje venho até vocês para conversar um pouco sobre o filme "Fome de Poder", dirigido por John Lee Hamcock, que nos conta sobre como surgiu o McDonalds, a nossa querida e famosa lanchonete dos arcos dourados.
Fonte da imagem: Revista Time

Filme: Fome de Poder
Título Original: The Founder
Direção: John Lee Hancock
Duração: 1h 55 min

Sinopse: A história da ascensão do McDonald's. Após receber uma demanda sem precedentes e notar uma movimentação de consumidores fora do normal, o vendedor de Illinois Ray Kroc (Michael Keaton) adquire uma participação nos negócios da lanchonete dos irmãos Richard e Maurice "Mac" McDonald no sul da Califórnia e, pouco a pouco eliminando os dois da rede, transforma a marca em um gigantesco império alimentício.

Assista em: Netflix

No filme “Fome de Poder” (The Founder), o diretor John Lee Hancock introduz a história da ascensão do McDonald’s, iniciando com a apresentação de Ray Kroc, um vendedor que, ao observar a velocidade de entrega e a inovação dentro da cozinha dos irmãos Dick e "Mac" McDonald, resolve adquirir uma participação em seus negócios.

“A vida toda, seguimos ideias de outras pessoas. Não queríamos apenas algo diferente. Tinha que ser melhor, que ser nosso.”


Desde o início da trama, é claro perceber a personalidade ambiciosa de Kroc, já que ele deseja crescer e expandir as franquias das lanchonetes cada vez mais, enquanto os irmãos McDonald apenas desejam continuar com seu estabelecimento familiar na cidade de San Bernadino. É a partir desse fato que se torna possível observar a importância do gerenciamento de crises e conflitos, já que, em diversos momentos do filme, nos é mostrado discordâncias de opiniões e perspectivas diferentes de cada parceiro, o que acarreta na necessidade de trabalhar a comunicação entre cada um deles.

“Apenas a persistência e a determinação já são poderosas.”

Além disso, também é possível perceber a construção da marca McDonald's, que, como dito por Ray Kroc em determinada parte do filme, é “mais que um simples hambúrguer, é um nome”. A partir dessa observação, pode-se refletir o quanto a imagem e reputação de uma organização é importante.

Fonte da Imagem: Medium
Vale ressaltar, ainda, o quanto a trama criada prende o telespectador, pois, além de trazer cenas sobre a corporação e os negócios relacionados as franquias, a obra apresenta momentos da vida pessoal de Kroc, expondo sua convivência conflituosa com a esposa, e como seu trabalho acabou afetando suas relações sociais.

“Gênios não reconhecidos é praticamente um clichê.”

Após terminar de assistir “Fome de Poder”, é muito difícil olhar para uma loja do McDonald's da mesma forma. Apesar das atitudes questionáveis que protagonista tomou em prol do progresso, é impossível negar sua inteligência em tornar uma simples lanchonete em uma potência mundial.

Você também pode gostar:

0 Comentários

Siga me no Instagram!